6 DICAS PARA MELHORAR A ESTABILIDADE DO SEU CARRO

Postado em: 27 de maio de 2017
Compartilhe

Se você está sempre viajando em estradas e é apaixonado pela aventura e alta velocidade, é essencial estar com a manutenção do seu carro em dia. Além disso, a estabilidade do veículo é fundamental para dirigir com conforto e segurança.

Por isso, confira nossas 6 dicas simples para melhorar a estabilidade do seu carro!

  1. Cuidados com os pneus

Para dirigir com segurança, confira com frequência o alinhamento dos pneus.

Os pneus se desgastam facilmente em alta velocidade e caso eles estejam desalinhados, há a possibilidade de você sentir o carro “puxando” para um lado, gerando instabilidade na direção.

Isso afeta a dirigibilidade e pode provocar danos na direção, na rodagem e na suspensão. Por isso, faça o alinhamento dos pneus a cada 7 mil km rodados.

Outro cuidado necessário é realizar a calibragem dos pneus para aumentar a vida útil deles. É indicado fazer a calibragem a cada 15 dias, colocando sempre apenas a pressão recomendada pelo fabricante.

Além disso, é aconselhado fazer o rodízio dos pneus a cada 5 mil km rodados, buscando gerar um desgaste proporcional em todos os pneus.

  1. Observe a vibração do volante

Se mesmo dirigindo em linha reta, você está sentindo o volante trepidando, isso pode significar que seu carro precisa de balanceamento.

O balanceamento deve ser feito a cada 10 mil km rodados ou sempre que você sentir trepidação no volante ao atingir 60 km/h. Ele serve para estabilizar a direção e regulariza o desgaste nos pneus.

A vibração também pode ser causada por uma roda fora de seu centro ou por parafusos frouxos nas rodas.

Caso o problema não seja resolvido, as vibrações aumentam na medida que você aumenta a velocidade e as rodas podem “pular” ou cambalear para os lados, causando acidentes.

  1. Instalação de aerofólios

Apesar de os aerofólios serem muito procurados por questões estéticas, o uso deles é fundamental para melhorar a aerodinâmica do carro.

Funciona assim: o ar passa embaixo do aerofólio com mais rapidez, o que gera uma pressão aerodinâmica no carro e mantém o veículo mais firme no chão.

Isso evita a turbulência causada pelo vento quando se dirige em altas velocidades. Você faz curvas com mais segurança e melhora a dirigibilidade.

  1. Não carregue excesso de peso

Você notou que seu carro perde a estabilidade toda vez que viaja? Observe se você está impondo um peso maior que seu veículo suporta.

Além de consumir mais combustível, o excesso de peso no carro desgasta a suspensão e os pneus mais rápido que o normal, gerando instabilidade na direção.

Por isso, verifique no manual do seu carro qual é o peso máximo permitido para este modelo. Por via das dúvidas, leve apenas o necessário em suas viagens.

  1. Cuidados com o rebaixamento

O sistema de suspensão serve para reduzir o impacto no carro e oferecer estabilidade.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, rebaixar o carro e alterar a suspensão original não é proibido. Porém, há um requisito mínimo para a suspensão do seu carro não ser afetada durante o rebaixamento.

Se você rebaixou seu carro de forma irregular e ele não possui pelo menos 100mm de altura entre a o chassi e o chão, fique atento.

Cada desnível simples, lombada ou buraco pode afetar sua estabilidade. Opte sempre por rebaixar de forma regular.

  1. Confira os amortecedores

Apesar dos amortecedores serem um dos componentes do sistema de suspensão, eles merecem atenção especial, pois eles são os principais com a função de amortecer as vibrações do chassi e das rodas.

Além disso, os amortecedores são resistentes à velocidade. Quanto mais veloz o carro está, mais eles oferecem conforto na direção.

Por isso, sempre que ocorrer:

  • Trepidação no carro durante os desníveis da pista;
  • A traseira do carro balançar muito durante a direção;
  • Houver ruídos ao usar a suspensão.

Gostou das nossas dicas? Então deixe seu comentário!

Artigo escrito pela equipe da ClickSound, loja de acessórios para carros.