Saiba quais são os cuidados que você precisa ter ao trocar de carro

Saiba quais são os cuidados que você precisa ter ao trocar de carro
Postado em: 11 de fevereiro de 2020
Compartilhe

Trocar de carro é uma coisa normal que todo mundo vai fazer um dia. Com o passar do tempo, é natural que o veículo sofra alguns desgastes e que o proprietário queira trocá-lo por um carro mais novo e mais em ordem.

Seja um novo modelo, uma marca diferente ou um tamanho mais adequado, é necessário levar em consideração diversos outros pontos antes de fechar negócio e trocar de carro.

Isso porque você já conhecia o seu carro, já sabe dos problemas, defeitos e qualidades que ele tem. Trocar de carro significa conhecer um novo modelo e, muitas vezes, assumir um novo financiamento.

Antes de assumir essa responsabilidade e entregar o seu veículo em uma troca, o ideal é averiguar as condições, os preços, a opinião de outros proprietários e também a procedência da loja ou vendedor particular.

Apesar de parecer muita coisa, são atitudes simples que podem fazer toda a diferença na hora de adquirir esse novo bem.

Neste artigo, daremos várias dicas para você trocar de carro, sem sair no prejuízo, sentindo que fez um bom negócio.

Dicas importantes para trocar de carro

Esse processo muito comum, envolve uma série de cuidados para que a escolha seja feita corretamente. 

Prestar atenção ao modelo não é a única coisa importante, mas também se atentar às condições mecânicas e de manutenção.

Se o proprietário vai comprar um carro novo, então a preocupação com a mecânica é menor. Mas, se a compra envolve um modelo usado, é necessário avaliar diversas condições que envolvem o veículo.

Existem muitos casos, nos quais quem comprou um carro usado acabou se arrependendo, pois não se atentou a condições como:

  • Cuidados com a documentação;
  • Condições da lataria;
  • Funcionamento mecânico;
  • Modificações na estrutura do veículo.

Essas são as principais observações a serem feitas, antes de comprar ou trocar o seu veículo por um carro usado.

Cuidados com a documentação

As documentações de um veículo são obrigações de seu proprietário e envolve muitas taxas como IPVA, licenciamento e multas.

Uma das obrigações do comprador, ao adquirir um veículo usado, é fazer laudo ECV veículo

Esse laudo é importante para verificar as condições de uso do carro e também se ele possui a documentação em dia.

Quando um desses documentos precisa ser quitado, o novo comprador realizar essa regularização, para que o laudo seja emitido e o veículo passe a circular.

Condições da lataria do veículo

Amassados, arranhões, pinturas danificadas e outros defeitos presentes na lataria do veículo desvalorizam o carro. 

Além disso, o novo proprietário terá gastos com esse conserto, ou seja, além de pagar pelo carro, ainda tem que pagar uma boa funilaria.

Veículos que sofreram batidas graves e precisaram ser praticamente reconstituídos são muito desvalorizados, pois essas situações comprometem a estrutura do carro.

Funcionamento mecânico

A parte mecânica é um dos principais pontos a serem levados em conta na hora de avaliar um carro usado. 

É preciso avaliar as condições de funcionamento, principalmente do motor, câmbio, suspensão e sistema de freio.

Não se esquecendo de que a parte elétrica também é importante. Ver as condições da bateria e há quanto tempo não é trocada é importante.

Para evitar dores de cabeça, o ideal é que o motorista leve o carro até uma oficina mecânica completa para verificar todo o funcionamento.

Ao verificar todos os itens necessários, facilmente o mecânico encontrará algo que precisa ser feito, caso exista. 

A partir daí, pode haver uma negociação entre comprador e vendedor, para que não haja prejuízos.

Modificações na estrutura do veículo

Existem muitas pessoas que gostam de fazer mudanças na estrutura dos veículos para personalizá-los de acordo com seus gostos pessoais.

Muitas dessas modificações precisam ser comunicadas aos órgãos responsáveis, como no caso de blindagem vidros automotivos

Além disso, algumas dessas modificações são passíveis de aprovação e devem constar no documento.

Entre as mudanças mais comuns autorizadas pelo DETRAN estão:

  • Mudança de rodas e pneus originais;
  • Aumento da potência do motor;
  • Rebaixamento;
  • Faróis xênon;
  • Mudanças no tipo de combustível;
  • Alterações de cor.

Essas mudanças só podem ser feitas após uma análise do DETRAN para emissão do CSV (Certificado de Segurança Veicular). 

Esse documento atesta a legalidade das mudanças e que não influenciam no funcionamento do carro.

Procedimento de compra de veículo usado

Sabendo tudo o que precisa ser analisado antes de comprar o carro, é hora de saber como é o procedimento de compra.

Depois de levar o veículo até uma oficina para inspeção de carros ou vistoria cautelar, é importante emitir o laudo de transferência.

O laudo de transferência deve ser anexado juntamente com os documentos de identificação do novo comprador e o Certificado de Registro do Veículo. 

O formulário RENAVAN também precisa estar devidamente preenchido, bem como é necessário ter em mãos os comprovantes de pagamento de taxas devidas.

Após feito isso, o novo proprietário já pode circular livremente com o carro, sem se preocupar com nenhuma pendência ou irregularidades.

Os cuidados com automóveis não terminam depois de comprá-lo. Infelizmente, algumas pessoas não se atentam à necessidade de manutenção e acabam deixando de laudo as revisões periódicas que evitam diversos problemas.

A importância das revisões periódicas

Um carro, assim como todos os outros meios de transporte, precisa de revisão periódica a cada 10 mil km rodados ou a cada 6 meses.

Essa revisão evita que as peças do veículo sofram desgastes que prejudiquem seu funcionamento, e até coloquem em risco condutor e passageiros.

Um dos itens que precisam ser cuidadosamente verificados é a embreagem de disco. Essa peça faz a ligação entre a caixa de câmbio e o motor e permite a troca de marchas.

Isso significa que um problema nesta peça pode custar o desempenho do carro e prejudicá-lo. 

Quando ela tem problemas, o motorista nota trepidações no pedal e dificuldades para fazer o carro andar.

Se o veículo é blindado, saiba que a blindagem também precisa de manutenção. Por isso, é importante seguir as recomendações da empresa de blindagem de carros, pois a falta de manutenção, além de não trazer a proteção necessária, pode desvalorizar o carro.

Muitas partes do veículo podem ser blindadas, como vidros, portas, lataria, laterais e até pneus. 

Ao comprar um veículo usado blindado, é importante avaliar as condições de blindagem e também as condições mecânicas.

O peso da blindagem pode diminuir a potência do veículo. Por isso, é importante comparecer até uma oficina mecânica para que o profissional possa avaliar a potência e condições do carro como um todo.

Uma das peças que mais sofrem com o tempo é a suspensão. Porém, é muito importante estar atento à manutenção dessas peças porque, mais do que oferecer conforto para o carro, elas são responsáveis por diminuir o impacto.

Além disso, a suspensão para carros garante a estabilidade do veículo, impedindo que o motorista perca o controle dele.

Para efetuar a troca dessas peças, é importante procurar uma oficina de confiança e garantir peças originais. Somente elas trarão toda a segurança que o carro precisa para circular.

O radiador é outra peça importante da lista de itens que precisam de manutenção. Ele é o responsável por realizar a troca de calor entre o ar e outra substância que esteja dentro de algum sistema fechado.

Atualmente, o radiador automotivo mais conhecido é radiador de arrefecimento. Trata-se de um modelo utilizado em todos os automóveis refrigerados à base de água.

A manutenção do radiador, assim como de outras peças, deve ser realizada periodicamente e somente por um profissional de confiança.

O veículo precisa ser monitorado por essas revisões preventivas para evitar danos permanentes ao funcionamento de peças, trazendo prejuízos financeiros aos motoristas.

Verificar condições de pneus e realizar a troca sempre que estiverem desgastados também é indispensável. 

Os pneus que substituírem devem ser sempre novos e, após a troca, é importante realizar o alinhamento e balanceamento.

Com esses cuidados, problemas como motor fundido, que geralmente custam quase a metade do valor carro, podem ser facilmente evitados.

É importante estar atento à troca de óleo do veículo e se não existem vazamentos. Procedimentos simples que devem ser aplicados antes e depois da compra de um carro usado.

Os veículos fazem parte do dia a dia das pessoas e são muito úteis em muitos momentos. 

Seja para usar todos os dias ou apenas aos finais de semana, os cuidados com ele nunca são um exagero.

Verifique as condições do usado antes de realizar a troca e tire todas as dúvidas que surgirem.

Assim, você faz uma troca inteligente e garante o melhor do funcionamento do veículo enquanto precisar dele.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.